Operador de máquinas pesadas: qual o futuro dessa profissão?

Operador de máquinas pesadas: qual o futuro dessa profissão?

16 de outubro de 2020 4 Por Bamaq Máquinas

Uma boa máquina só faz um bom trabalho quando conduzida por um operador de máquinas pesadas habilidoso e compete. É preciso dedicação e investimento constante em capacitação. Mas, o que se pode esperar dessa profissão no futuro próximo? 

O cenário nacional 

A construção civil e o agronegócio são as principais atividades econômicas nas quais um operador de máquinas pesadas pode se inserir. Nesse sentido, as perspectivas são animadoras, afinal, são os setores de maior movimento no país e com expectativas de crescimento promissoras. 

Embora a pandemia tenha frustrado as previsões de crescimento para a construção civil neste ano, de acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), espera-se que em 2021 o segmento chegue a um crescimento de 3,4% na América Latina. Vale lembrar que o investimento em infraestrutura é a principal maneira de reaquecer economias. Em um cenário pós-pandêmico esse recurso será muito utilizado no Brasil e países vizinhos. 

Enquanto isso, o agronegócio é um setor em franco crescimento já durante a crise ocasionada pela pandemia. Em 2020, o segmento aumentou a produção de alimentos em 20% para abastecer o mercado nacional, e ainda, para exportar para parceiros comerciais. De acordo com a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), ainda em 2020, o país deve se tornar o maior produtor de alimentos do mundo. 

Vale lembrar ainda que o agronegócio responde por 25% do PIB brasileiro, garante 20% dos empregos do país e corresponde a 40% das exportações. (Dados da Embrapa). 

Logo, as expectativas para o agronegócio são promissoras, mas, ainda assim, desafiadoras com um aumento do dólar que prejudica o valor das exportações. 

Plano de Manutenção Preventiva

Economia e máquinas pesadas 

Falar de economia quando se pensa no futuro profissional de um operador de máquinas pesadas é importante porque a principal maneira de expandir e aquecer os mercados da construção civil e agronegócio é com a crescente mecanização.

O incremento de máquinas é sinônimo de maior produtividade, mais agilidade e de novos postos de trabalho para os interessados em crescer como operador de máquinas pesadas. 

Como ser um operador de máquinas pesadas? 

Operador de máquinas pesadas

Tem expectativas nessa profissão? Para se tornar um operador de máquinas pesadas é preciso investimento em capacitação e dedicação constante para aprimorar as habilidades. 

Atualmente, no Brasil é exigido que o interessado em se tornar operador tenha mais de 18 anos, ensino fundamental, Carteira Nacional de Habilitação categoria B e certificação em um curso profissionalizante para ser operador de máquinas pesadas. 

Leia também: Máquinas de terraplanagem: quais as mais utilizadas e suas funções?

Os cursos profissionalizantes são diversos, é possível encontrar treinamentos de 50 horas, ou menos, até 200 horas. A NR 12, que é a Norma Regulamentadora de Segurança do Trabalho em Máquinas e Equipamentos, não dispõe sobre as exigências mínimas do curso profissionalizante, apenas destaca que é preciso ter qualificação profissional. Mas, de acordo com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, os cursos de formação profissional devem ter, no mínimo, 160 horas. 

A dica aqui é procurar instituições de ensino de reputação e cursos completos que abordam questões teóricas pertinentes, desde as normas regulamentadoras que impactam a profissão, até as aulas práticas que vão garantir experiência no manuseio da máquina.

Mercado profissional

De acordo com o Vagas.com, site especializado em recrutamento, a faixa salarial inicial da profissão é de R$ 1.800, podendo chegar a R$ 2.600. A formação mais comum entre os profissionais do segmento é o Ensino Médico completo.

Para os operadores polivalentes, ou seja, que operam mais de um tipo de máquina com destreza, as possibilidades do mercado são ainda mais promissoras. Além disso, quanto maior a máquina e mais experiência o profissional tem, melhor remunerado é.

A rotina profissional e as responsabilidades 

Ser um operador de máquinas pesadas é lidar com grandes responsabilidades. A condução desses equipamentos requer muitos cuidados, caso contrário, a produtividade do projeto pode ser comprometida, ou ainda, graves acidentes de trabalho podem ser ocasionados. 

Além de habilidade, comprometimento e conhecimentos técnicos, o operador precisa estar atento às normas de segurança vigentes, utilização de EPIs, fazer cursos de reciclagem de tempos em tempos, e ainda, ter profundos conhecimentos sobre a máquina que opera e sua capacidade produtiva.  

Agora você já sabe o que esperar da profissão e como dar o primeiro passo para ser um operadores de máquinas pesadas. Quer se aprofundar no universo de máquinas e equipamentos? Acesse o Blog da Bamaq Máquinas e confira outros conteúdos que podem ser do seu interesse. 

Ebook boas práticas